Tangará da Serra
Tangará da Serra

O que Fazer em Tangará da Serra: As 12 Melhores Atrações

Tangará da Serra, situada na região sudoeste do Estado de Mato Grosso, é uma cidade que encanta por sua riqueza natural e diversidade cultural. Com a imponente Serra de Tapirapuã como pano de fundo, Tangará da Serra é muito mais do que apenas um destino turístico; é um convite para explorar paisagens deslumbrantes e vivenciar experiências únicas.

A importância do turismo nesta região não pode ser subestimada. Além de impulsionar a economia local, o turismo em Tangará da Serra promove a preservação ambiental e o resgate das tradições indígenas. Cada visita contribui para a sustentabilidade da comunidade e o desenvolvimento do turismo responsável.

Localização e Características Geográficas

Tangará da Serra, estrategicamente posicionada no sudoeste do Estado de Mato Grosso, é um oásis de beleza e biodiversidade. Sua localização privilegiada a 240 quilômetros da capital Cuiabá coloca-a no centro de uma região rica em recursos naturais e paisagens deslumbrantes.

O nome “Tangará da Serra” é uma homenagem ao pássaro Tangará, uma das aves mais emblemáticas do Brasil, que habita as majestosas montanhas da Serra de Tapirapuã, que circunda a cidade. Essa conexão com a natureza é uma característica marcante da região, refletida em sua exuberante flora e fauna.

A cidade está situada na Região Turística das Nascentes e é abraçada por duas elevações distintas: a imponente Serra Tapirapuã e a imponente Serra do Parecis. Essas formações geológicas não apenas emolduram a cidade, mas também proporcionam um terreno ideal para a prática de esportes de aventura, como rapel, tirolesa e rafting.

Além disso, Tangará da Serra é abençoada por uma paisagem diversificada, que inclui rios cristalinos, cachoeiras imponentes, grutas e mirantes naturais que oferecem vistas panorâmicas de tirar o fôlego. Essas características naturais tornam Tangará da Serra um destino verdadeiramente único.

O que Fazer em Pontos Tangará da Serra: 12 Destinos Incríveis para Conhecer

Tangará da Serra é um verdadeiro paraíso para os amantes do turismo de natureza, repleto de pontos turísticos fascinantes que convidam os visitantes a explorar suas maravilhas. Abaixo, destacamos alguns dos pontos mais imperdíveis:

1. Bosque Municipal Ilto Ferreira Coutinho

O que Fazer em Tangará da Serra: Bosque Municipal Ilto Ferreira Coutinho.
Bosque Municipal Ilto Ferreira Coutinho. Foto: Divulgação.

Com uma área verde de 12 hectares, o Bosque Municipal é um refúgio natural no coração da cidade. Os visitantes podem desfrutar de trilhas para caminhadas, observar a fauna e flora local e participar de atividades de educação ambiental.

2. Cachoeira do Formoso

O que Fazer em Tangará da Serra: Cachoeira do Formoso.
Cachoeira do Formoso. Foto: RAW Foto e Vídeo via YouTube.

Esta exuberante queda d’água, com cerca de 40 metros de altura, é uma das principais atrações de Tangará da Serra. Localizada no Complexo Turístico do Formoso, oferece a oportunidade de banhar-se no Rio Bonito e praticar atividades como rapel.

3. Complexo Turístico Indígena do Formoso

O que Fazer em Tangará da Serra: Complexo Indígena do Formoso.
Complexo Turístico Indígena do Formoso. Foto: Divulgação.

O Complexo Turístico Indígena do Formoso é um destaque em Tangará da Serra, abrangendo oito aldeias da etnia Paresi. Oferece diversas atividades, como etnoturismo, ecoturismo e turismo de aventura, onde os visitantes podem vivenciar a cultura, artesanato e danças indígenas. As principais atrações incluem a Cachoeira do Formoso, o Rio Bonito e o Rio Bonitinho, originário da Gruta Sagrada. Explore paisagens exuberantes, rios cristalinos e mergulhos em cachoeiras.

4. Estância Amazonas

O que Fazer em Tangará da Serra: Estância Amazonas.
Estância Amazonas. Foto: Divulgação.

Localizada às margens do Rio Sepotuba, a Estância Amazonas oferece uma ampla gama de atividades recreativas, incluindo camping, trilhas para caminhadas e passeios de jet-ski.

5. Estância Modelo

Estância Modelo. Foto: Divulgação.

Oferecendo uma infraestrutura completa para eventos e lazer, a Estância Modelo é famosa por sediar a tradicional Festa das Comitivas de Férias. Os visitantes podem desfrutar de banhos refrescantes no Rio Sepotuba e participar de atividades esportivas.

6. Fazenda Paraíso

Fazenda Paraíso. Foto: Evelyn Del Bel Bridi.
Fazenda Paraíso. Foto: Evelyn Del Bel Bridi.

Esta fazenda encantadora oferece uma atmosfera tranquila e belas paisagens naturais. Destaques incluem a Cachoeira da Paraíso, o lago e a Pedra “Cereja do Bolo”, que oferece uma vista deslumbrante da Serra Tapirapuã.

7. Gruta Sagrada e Nascente do Rio Bonitinho

Gruta sagrada e nascente do rio Bonitinho.
Gruta sagrada e nascente do rio Bonitinho. Foto: Divulgação.

Localizada no Complexo Turístico do Formoso, a Gruta Sagrada é um local de grande importância espiritual. Além disso, os visitantes podem desfrutar de banhos refrescantes nas águas cristalinas da nascente do Rio Bonitinho.

8. Rafting no Rio Formoso

O que Fazer em Tangará da Serra: Rafiting no Rio Formoso.
Rafiting no Rio Formoso. Foto: Divulgação.

om suas corredeiras emocionantes e águas transparentes, o Rio Formoso oferece uma experiência inesquecível de rafting. Os visitantes podem desfrutar de vistas panorâmicas da paisagem circundante enquanto se aventuram pelas águas do rio.

9. Salto das Nuvens

O que Fazer em Tangará da Serra: Salto das Nuvens em Mato Grosso.
Salto das Nuvens. Foto: @saltodasnuvens via Instagram.

O Salto das Nuvens, um dos cartões-postais de Tangará da Serra, fica a 25 km do centro da cidade. Essa bela cachoeira, formada pelo Rio Sepotuba, oferece uma praia natural e diversas comodidades, como estacionamento, lanchonete, restaurante e loja de souvenirs. Com áreas de lazer, como sala de jogos e redário, além de um deck para pesca, o local também pode ser alugado para shows e eventos. É uma atração imperdível, com entrada a R$ 15, sendo gratuita para crianças.

10. Salto Maciel

O que Fazer em Tangará da Serra: Salto Maciel.
Salto Maciel. Foto: Divulgação.

Outra cachoeira impressionante do Rio Sepotuba, o Salto Maciel oferece uma vista deslumbrante e a oportunidade de relaxar em suas águas refrescantes.

11. Serra Tapirapuã

O que Fazer em Tangará da Serra: Serra Tapirapuã.
Serra Tapirapuã. Foto: @rsimagenstga

Para os entusiastas de esportes de aventura, a Serra Tapirapuã oferece oportunidades para escalada e rapel, bem como vistas panorâmicas da região de Tangará da Serra.

12. Cachoeira Queima-Pé

Cachoeira Queima-Pé.
Cachoeira Queima-Pé. Foto: Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Com seus 18 metros de altura, a Cachoeira Queima-Pé é um destino popular para atividades de ecoturismo, como rapel e cascading. É um local tranquilo e pitoresco para relaxar em meio à natureza.

Como Chegar e Dicas para Visitar Tangará da Serra

Para chegar à deslumbrante Tangará da Serra, é importante conhecer as principais rotas de acesso e algumas dicas úteis para aproveitar ao máximo sua viagem. Abaixo, fornecemos informações essenciais para tornar sua visita a esta encantadora cidade ainda mais memorável.

Descrição das Principais Rodovias

Tangará da Serra é acessível por meio de três rodovias estaduais:

  1. MT-246: Esta rodovia conecta Tangará da Serra à cidade de Barra do Bugres, ao norte. É uma rota popular para quem vem de cidades próximas e oferece uma viagem cênica através de paisagens deslumbrantes.
  2. MT-343: Esta rodovia liga Tangará da Serra à cidade de Nova Olímpia, ao leste. É uma rota importante para quem vem de regiões vizinhas e oferece acesso conveniente à cidade.
  3. MT-358: Esta rodovia conecta Tangará da Serra à cidade de Campo Novo do Parecis, ao sul. É uma rota estratégica para quem vem de outras regiões do Estado de Mato Grosso.
  4. BR-163/BR-364 e MT-246: Esta rota parte de Cuiabá em direção a Tangará da Serra, totalizando aproximadamente 242,3 km de distância. É uma das principais rotas de acesso à cidade, proporcionando uma viagem cênica através de paisagens.

Alugue um carro com bom custo-benefício através da plataforma Rentcars.

Viagem de ônibus para Tangará da Serra

Viaje de Cuiabá para Tangará da Serra com conforto e conveniência pela Viação Juína. As passagens de ônibus estão disponíveis para embarque direto, sem a necessidade de retirada de bilhetes no guichê da viação.

Com preços entre R$ 104,99 e R$ 88,13, a viagem tem duração média de 5 horas. Garanta sua passagem clicando neste link.

Onde se hosepdar em Tangará da Serra

Selecionamos opções de hospedagem no site booking.com para diárias com 2 pessoas.

Hotel Itatiaia – Diária R$ 308
Maison Hotel – Diária R$ 435
Rotta Hotel – Diária R$ 288

Os valores das diárias em fevereiro de 2024 estão sujeitos a alterações, dependendo do período pesquisado.

Camiseta Turismo de Natureza em Mato Grosso

Conclusão

Tangará da Serra se revela como um destino imperdível para os amantes da natureza e da aventura. Com suas paisagens deslumbrantes, cachoeiras majestosas, trilhas exuberantes e uma rica herança cultural, esta cidade encanta e inspira todos os que a visitam.

Ao visitar os pontos turísticos de Tangará da Serra, lembre-se de respeitar o meio ambiente e a cultura local. Mantenha-se nas trilhas designadas, não deixe lixo para trás e seja respeitoso com os habitantes locais e suas tradições.

COMPARTILHE:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Usamos cookies em nosso site para fornecer a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, concorda com a utilização de TODOS os cookies.