10 Passeios Imperdíveis em Curitiba para curtir a Natureza

Passeios Imperdíveis em Curitiba

Sejam muito bem-vindos a cidade mais verde da América Latina e uma das mais sustentáveis do mundo. Confira 10 Passeios Imperdíveis em Curitiba para curtir a Natureza.

O turismo em Curitiba é muito propenso para o ecoturismo. Se você está de viagem marcada para está belíssima cidade, precisa saber que um dos principais atrativos dela são os parques e bosques. Inegavelmente muitos são procurados por conta da sua beleza e infraestrutura sem igual. Confira nosso guia do Turismo em Curitiba 10 Passeios Imperdíveis em meio a natureza.

Quer saber quais são eles? Então, por favor, continue lendo o conteúdo e se surpreenda com o número grande de passeios que você pode fazer pela cidade. Principalmente os passeios em contato com a natureza!

Passeios Imperdíveis em Curitiba para curtir a Natureza

1. Jardim Botânico de Curitiba

Passeios Imperdíveis em Curitiba. Jardim Botânico de Curitiba Passeios Imperdíveis em Curitiba. Jardim Botânico de Curitiba.
 

Falar de Curitiba e não falar do jardim botânico é impossível. Situado na Av. Lothario Meissner, no bairro Jardim botânico, é o principal (e mais famoso) cartão postal da cidade. Com toda a certeza a parada obrigatória para quem está indo para Curitiba.

Aliás, é um pouco complicado de falar sobre o Jardim botânico e ser breve. Visto que, o parque na verdade é uma unidade de conservação e conta com diversas atividades. Sendo muitas delas os turistas não sabem que existem e acabam por voltar para casa sem descobrir, sabia?

O ponto alto do jardim botânico é a estufa inspirada no palácio de cristal de Londres, dentro amostras de espécies de plantas da floresta atlântica. Além disso, em seu interior possui uma estátua em homenagem ao dia mundial do Habitat. Em resumo, você pode observar a estufa de fora, só que o mais interessante é poder visitar o seu interior e ter uma vista privilegiada do Jardim Francês que fica na frente da estufa.

Outro ponto também interessante a ser visitado é o Museu Botânico de Curitiba. Esse é o quarto herbário do Brasil e conta com mais de 400.000 amostras de plantas.

Por fim, além das trilhas e dos passeios em volta dos lagos. Outra atração imperdível que ocorre de terça a domingo é visitar o espaço jardim das sensações. Nele você é convidado a andar vendado, sentindo as plantas por meio do tato e olfato. Mas, lembre-se, nada de arrancar as plantinhas!

2. Parque Tanguá

Passeios Imperdíveis em Curitiba: Parque Tanguá Parque Tanguá.
 

O parque considerado mais bonito de Curitiba é, sem sombra de dúvidas, o Tanguá. Situado no bairro Taboão, o parque que, na época, seria uma usina de reciclagem de sobras da construção civil e das indústrias, hoje conta com visitas diárias de turistas e dos próprios habitantes.

O Parque Tanguá foi inaugurado em 1996 e possui a importante função de proteger e cuidar da conservação da bacia do Rio Barigui, visto que, suas nascentes são bem próximas. No parque Tanguá, além de você conseguir ver um maravilhoso pôr do sol, você tem acesso à mirantes, cascatas artificiais, trilhas, cavernas e jardins.

3. Parque Tinguí

Passeios Imperdíveis em Curitiba: Parque Tinguí Passeios Imperdíveis em Curitiba. Parque Tinguí.
 

Situado no bairro Pilarzinho, o Parque Tinguí foi o terceiro parque criado com o objetivo de proteger a bacia do rio Barigui. Além disso, dispõe de lagos, trilhas e quadras de esportes.

Conhecido por “Parque do Memorial Ucraniano”, por abrigar um Memorial que foi construído em homenagem aos imigrantes ucranianos. Por sinal, é um dos principais destaques do parque, inclusive possui uma loja onde você encontra objetos e artesanatos ucranianos para a venda.

4. Parque Barigui

Passeios Imperdíveis em Curitiba: Parque Barigui Parque Barigui.
 

Situado no bairro Bigorrilho, o parque Barigui é um dos mais frequentados do estado. Tanto é que, no final de semana, o parque vira um point de encontro dos jovens e recebe centenas de pessoas de diversas partes da cidade.

Assim como o parque Tanguá e o Tinguí, o Parque Barigui também serve para proteger a bacia do rio Barigui e a sua mata. As atividades de lazer do parque são ótimas, tais como: Pista de patinação, aeromodelismo, academia, equipamentos esportivos, trilhas e churrasqueiras. Além de tudo isso, possui pistas divididas para caminhada, corrida e bike.

Fora que, é no parque Barigui que você encontra o Museu do Automóvel de Curitiba. Portanto uma ótima pedida para depois dar uma esticada por lá.

5. Parque Passaúna

Parque Passaúna em Curitiba Parque Passaúna. Foto: Divulgação.
 

Localizado no bairro Augusta, esse é um dos parques mais afastados do centro de Curitiba. Diferente dos outros parques, esse não foi criado para proteger o rio Barigui e, sim, a qualidade da água da represa do Rio Passaúna. Sendo ela a responsável pelo abastecimento de grande parte da cidade.

Mesmo distante, é um dos parques preferidos dos turistas e também dos curitibanos. Afinal, tamanha a beleza natural do parque e da tranquilidade que oferece, não há como se encantar com ele. Também permitido praticar alguns esportes aquáticos, entretanto o que impressiona mesmo é a visão que se tem do mirante. Imperdível!

6. Bosque do Alemão

Bosque do Alemão em Curitiba Bosque do Alemão. Foto: Monique Renne.
 

Situado no bairro Vista Alegre, o bosque é uma grande homenagem aos alemães, tanto é que, no Bosque do Alemão, existe uma réplica da fachada de uma casa feita por imigrantes alemães no centro da cidade. Também há uma réplica de uma igreja presbiteriana, que novamente foram realizadas por imigrantes na cidade.

7. Bosque do Papa

Passeios Imperdíveis em Curitiba: Bosque do Papa Bosque do Papa.
 

Localizada no Centro Cívico, o bosque possui esse nome por conta de uma visita do papa João Paulo II. Ao entrar em uma das sete casas típicas polonesas ali instaladas, o papa entrou em uma e fez uma missa. Está casa que entrou e realizou uma missa, posteriormente virou uma capela, da qual abriga a imagem da padroeira da Polônia.

O bosque possui uma parte onde é dedicada ao Memorial Polonês e, nas casas, você consegue ver objetos utilizados pelos imigrantes poloneses, como roupas típicas, por exemplo.

8. Bosque Zaninelli

Bosque Zaninelli, Curitiba. Bosque Zaninelli. Foto: Monique Renne.
 

Localizada no bairro Pilarzinho e inaugurado em 1992, o Bosque Zaninelli, que antes era uma pedreira, hoje é uma área verde com mais de 37.000 m². Esse propostito foi em virtude de fundar a UNILIVRE (Universidade Livre do Meio Ambiente), uma organização independente que tem como obetivo repassar conhecimentos sobre o meio ambiente e ecologia. Como resultado, foi uma das primeiras cidades do mundo a manter um espaço para a educação ambiental. Parabéns a UNILIVRE!

O visual do bosque Zaninelli não podia ser mais bonito. Aliás, perfeito para quem quer aproveitar passeios com menos agitação ou até mesmo fazer um picnic. A universidade foi construída com toras de eucaliptos vindas de reflorestamento.

Se quiser se encantar, vá no alto do seu mirante e veja toda a paisagem juntamente com as salas de aula da universidade. É um espetáculo!

9. Parque Bacacheri

Parque Bacacheri, Curitiba. Parque Bacacheri. Foto: Divulgação.
 

O Paruque Bacacheri é muito apreciado por famílias nos fins de semana e feriados que buscam tranquilidade e diversão. Embora o local seja bem movimentado, não chegar a ficar a tumultuado, pois a espaço para todos os públicos. Sendo assim, o parque dispõe de lugares para quem quer caminhar, equipamentos de ginástica, churrasqueiras, parquinho e quadras de areia.

10. Parque Lago Azul

Parque Lago Azul, Curitiba. Parque Lago Azul, Curitiba. Foto: Divulgação.
 

Situada no bairro Umbará, o Parque Lago Azul é dos mais buscados por turistas e até mesmo por curitibanos. Já na entrada do parque, você encontra um portal completamente decorado com coqueiros que foi pensado para te direcionar até um mirante de madeira, da qual a vista é deslumbrante para o lago.

No Parque Lago Azul, além do mirante, você pode usufruir do espaço que conta com mesas e brinquedos de troncos. Também possui bancos de madeira, estrutura para partidas de futebol e vôlei, além de ter churrasqueiras e quiosques.

Já para você que quer fazer suas refeições com a vista do lago, possui um bistrô no parque com várias opções de lanches, refeições e bebidas.

Conclusão: Qual passeio você mais gostou em Curitiba?

Seja qual tenha sido o seu preferido, a nossa lista de passeios em Curitiba mantendo a proximidade com a natureza é bem extensa e merece ser visitada por você. Para sua viagem para Curitiba, coloque alguns desses parques e bosques no seu roteiro! Além de claro outras atividades ligadas a gastronomia, cultura e muito mais.

Com o intuito de explorar os passeios em meio a natureza e os destinos de ecoturismo do Paraná? Desse modo, visite os nossos artigos abaixo e continue nos acompanhando para mais novidades.

O que fazer na Ilha do Mel e como chegar?

Cataratas do Iguaçu pelo lado Brasileiro.