Como chegar em Alter do Chão, quando ir e o que comer

Como chegar em Alter do Chão, quando ir e o que comer

Como chegar em Alter do Chão, quando ir e o que comer

Em Santarém, no distrito de Alter do Chão, é um dos lugares mais bonitos do Brasil, mas que grande parte dos brasileiros ainda desconhece.

caribe da amazônia - alter do chão

Como chegar em Alter do Chão. Caribe da Amazônia. Foto: Divulgação.

Alter do Chão, também conhecido como Caribe Amazônico, dispõe diversos atrativos naturais para quem curte fazer turismo de natureza, o destaque para a região está na Ilha do Amor, uma das praias mais bonitas do Brasil e eleita pelo jornal britânico The Guardian como a praia de água doce mais bonita do mundo.

Como chegar

Como chegar em Alter do Chão de táxi ou ônibus

O Aeroporto Internacional de Santarém (Maestro Wilson Fonseca) está a 15 km de centro do município e a 11 km da rodoviária, do centro de Santarém até a vila dos pescadores de Alter do Chão são 38 km pela PA-457.

O preço do translado do centro de Santarém até a vila custa R$90 pelas corporativas de táxis e o tempo do trajeto leva em torno de 40 minutos.

A opção mais barata para se chegar até a Vila do Alter do Chão é através dos ônibus municipais que custa R$2,50, estes saem a cada uma hora do centro, no entanto não é indicado para quem está levando mala grande ou indo com crianças.

Como chegar em Alter do Chão de Avião

Há voos direto para o aeroporto de Santarém saindo de Brasília, Belém e Manaus, as companhias aéreas que operam no aeroporto são Azul, LATAM, Gol e Map. Normalmente os voos mais em conta são os de saindo de Belém e tempo de viagem leva em torno de 1 hora e 15 minutos.

Como chegar em Alter do Chão de Carro

Por estarmos falando da Amazônia onde o transporte muitas vezes se dão mais por vias fluviais, mas o acesso por estrada nessa região é bem restrito, em épocas de chuvas é recomendado ir em carros 4×4.

Partindo de Belém:
Via BR 230 – 1.373 km – 21h28m
Via BR-010 e BR-230 – 1.795 km – 27h

Distâncias de algumas principais capitais para Santarém por terra

• Belém: 1.373 km

• Brasília: 2.611 km

• Curitiba: 3.467 km

• Rio de Janeiro: 3.692 km

• Salvador: 3.000 km

• São Paulo: 3.305 km

• Vitória: 3.756 km

Para quem deseja fazer os percursos de carros chegando no aeroporto de Santarém, você pode alugar um veículo diretamente no aeroporto. A vantagem de alugar um carro é que poderá também conhecer a belíssima Praia do Pindobal, a 13 km de estrada da Vila de Alter do Chão e também a Praia de Ponta de Pedras, a 35 km do centro de Santarém, mas também nada que não possa conseguir com uma agência de turismo.

Como chegar em Alter do Chão de Barco

Se você tem muito tempo de viagem e quer conhecer ainda mais a Amazônia, uma opção é viajar de barco até Santarém, que pode sair de Belém ou Manaus, as distâncias dessas cidades até Santarém são praticamente as mesmas e o tempo de viagem leva em torno de 2 a 4 dias dependendo do tipo da embarcação e do sentido da correnteza do rio.

Belém – Santarém

Empresa: Amazon Star Turismo –
Site: www.amazonstar.com.br
Telefones: 91-3241-8624 / 91-3212-6244

Manaus – Santarém

Ana Beatriz IV – 92 9149-8860 | (92) 9112-1014 | 93 3522-6061
São Bartolomeu – 93 9145-9252 | 93 9975-2452
Luiz Afonso – 93 9143-0837 | 92 9292-7604
Cisne Branco – 91 3224-1225

Quando ir a Alter do Chão

De seis em seis meses, o sobe e desce da água muda tudo, onde floresta e rio se misturam, é como se estivéssemos em 2 lugares em um só.

Rio Tapajós - Alter do Chão - Santarém

Rio Tapajós quando está seco. Foto: Divulgação.

O verão amazônico, de agosto a dezembro, é a melhor época para conhecer Alter do Chão, nesse período os volumes dos rios baixam e se formam praias de areias branquinhas e de águas cristalinas.

A coloração da água do Caribe  da Amazônia, especificamente do Rio Tapajós, varia dependendo da época do ano, de marrom claro, marrom escuro e até verde cristalino, isso em virtude da água do mar que entra na região.

De fevereiro a julho o Rio Tapajós sobe e as praias ficam submersas, apesar de não poder presenciar elas nesse período, no entanto é a melhor época para passear pela Floresta Encantada do Tapajós, ela fica submersa e o passeio de canoa é realizado por meio das copas das arvores. Vale ressaltar que só é permitido chegar nesse local por meio de canoa, é proibido utilizar qualquer outro tipo de embarcação, tudo para manter a paz da fauna na região.

Quando ir em Alter do Chão

Rio Tapajós quando está cheio. Foto: Cristiano Santa Cruz.

O que comer em Alter do Chão

A gastronomia do Pará é uma viagem a parte, em cada região um sabor único e em Santarém não é diferente, os famosos pratos típicos à base de peixes regionais é uma boa pedida, tais como: Surubim, tucunaré e pirarucu, alguns ao molho de creme de Castanha do Pará e ao molho de camarão como o aviú, o menor camarão do mundo.

O que comer em Alter do Chão.

Gastronomia Tapajônica. Foto: Divulgação.

Se você adora banana não deixe de experimentar a banana de Santarém que tem a sua casca vermelha, também não deixe de comer o famoso feijão manteiguinha, um feijão regional com um sabor adocicado delicioso.

Além da culinária regional, não deixe também de experimentar os pratos típicos do Pará: Pato no Tucupi, Tacacá, Açaí natural, unha de caranguejo, bolinho de camarão, bolinho de piracuí, maniçoba, entre outros.

Não pode também de deixar de experimentar os sucos, sorvetes e sobremesas das frutas da Amazônia, tais como: Muruci, cupuaçu, bacuri, taperebá, araça, entre outros.

Agora que você sabe como chegar e quando ir para Alter do Chão, saiba o que fazer, confira os passeios imperdíveis dessa região.

Conheça também 10 passeios imperdíveis em meio à natureza em Belém do Pará.

Envie seu comentário